• Slider
  • Slider
  • Slider

Promessas do fim do ano

Já nos aproximamos da finalização de mais um ano. Podemos sentir o cheiro do alimento natalino, família e amigos reunidos. Como dizem "o tempo não passa, VOA!”.

Mas antes mesmo de acabar o ano nos depararemos com as mesmas enfadonhas conversas…promessas de mudanças para o ano novo: “vou parar de fumar”, “vou fazer uma atividade física”, “este ano começo a estudar para ingressar em uma universidade”… mas você lembra o que prometeu no ano anterior? Conseguiu realizar?

Vamos lá amigos, antes de pular as sete ondas e enterrar o ano para a prosperidade futura, vos pergunto: já anotou? Fez o planejamento das mudanças e seus respectivos objetivos? 

A maioria da população não faz planejamento. Entra mês sai mês, anos e mais anos e não há mudanças significativas…salvo quando as doenças ou intempéries surgem para acordar a alma e lhes retirar a força do sono, comodismo e estagnação.Você deve ser o gestor da própria existência, seja o protagonista e não coadjuvante…e por favor, não se faça de vítima por não alcançar o que deseja,

A cada ano faço uma lista de objetivos dividida em três partes: trabalho/empresa, pessoal e desafios profissionais. Todo domingo elaboro o planejamento da minha semana estipulando dias e horários para concluir as metas da semana que me destinei. Quanto maior o objetivo maior é a divisão de processos e metas para alcança-los, buscando eficiência satisfatória na conclusão dos resultados.

Questionam-me se consigo realizar todos os objetivos anuais nos quais me proponho e a resposta é simples: não! Realizo em  torno de 80% de todos os objetivos, pois são inúmeros ítens que me destino a realizar sendo alguns a longo prazo, mas sem engajamento, um ponto de partida, nunca será realizado, sendo necessários até mesmo anos para a conclusão dos mesmos. O que não concluo neste ano recomeço no ano seguinte porém colocando mais uma série de novos desafios no novo itinerário.

Objetivos, metas, planejamento e disciplina… com certeza é a ordem mais sensata para realizar os processos. Se por um acaso essas ações não estiverem presentes em sua mente, melhor rever seus planos, pois provavelmente ficará mais um ano sendo expectador da própria existência.

https://www.youtube.com/watch?v=QgzYDy8r60A

 

 

<< Voltar